Decoração

6 dicas inteligentes de design de interiores

Para atingir um design despojado, moderno e agradável é necessário sair do senso-comum e muitas vezes ser contra intuitiva em relação a conceitos naturalizados. Por exemplo, o uso de cores claras para fazer o ambiente parecer mais espaçoso. Se você conhecer iluminação e as particularidades dos espaços, é possível utilizar truques e técnicas de combinação de tonalidades, cores e padrões que trazem resultados positivos muitas vezes inesperados. Conheça 6 dicas inteligentes para rearranjar o interior de sua casa.

Tente um truque de pintura
Em um espaço iluminado, um teto escuro torna o ambiente mais confortável. A variação de tonalidades de cores pode dar ao ambiente realce nas vibrações e claridade.
Por exemplo, em um quarto em azul claro você pode usar cortinas brancas para dar a impressão de que o lugar é maior. Se você usar um teto azul escuro, um tapete padronizado e assessórios rústicos como uma cama de madeira vai criar uma série de camadas de cor que ampliam o espaço. Esses detalhes, como apenas o teto pintado de escuro, podem mudar completamente o astral do ambiente.

teto escuro - bobvila.com
Compense a luz dos ambientes
Uma cozinha ensolarada junto à armários com tons escuros de azul pode ainda se manter vibrante, especialmente se houver balcões com brancos vibrantes para ressaltar a luz do ambiente. O uso de granito, azulejos e pastilhas, além de acessórios metalizados, também podem ajudar a compor a decoração do ambiente.
Para não deixar o ambiente pesado, saber balancear o todo com cores claras e ficar atento à iluminação é fundamental. Ao contrário do senso comum, nem sempre os tons escuros trazem sensação de redução do espaço. Em alguns casos, o uso do artifício ajuda a dar profundidade ao ambiente.

luz cozinha - resourcedir
Tire tudo do chão
Um dos espaços mais subestimados na hora de organizar a casa são as paredes. Além de ótimas para quadros e cores, você pode unir o útil ao agradável e verticalizar suas peças. Por exemplo, uma prateleira na cozinha ajuda a manter tudo em ordem e da uma sensação de amplitude maior do que armários fechados; na sala de estar você pode usar um rack suspenso para tirar a TV do chão – assim ganha um visual moderno e libera espaço.

rack suspenso tv - www.pinterest.com kayschook entertainment-center
Misture padrões, não cores
Um esquema de cores simples faz a mistura de padrões infalível. Repetir cores nos padrões pode ajudar, acentue as cores em comum nos padrões pela casa.
Uma sala de estar, por exemplo, com cadeiras azuis e o sofá em tom claro, combina com um tapete padronizado utilizando um tom de azul. O contraste entre cores diferentes, por outro lado, pode tornar o visual do ambiente perturbador e pouco reconfortante.

Tapetes
Escolha móveis pequenos
Uma sala de jogos pode ser arranjada com móveis pequenos e minimalistas sem parecer infantil. Uma mesa de centro baixa e pufes podem ser o suficiente para as atividades da sala, como jogos de tabuleiro e projetos de arte, podendo contrabalancear o tamanho dos móveis com uma parede escura e decoração com cores vibrantes.

Artworks acrescentam glamour
Qualquer ambiente fica mais elegante com quadros, pinturas ou fotografias. Apesar de artworks custarem um pouco mais do que algumas pessoas estão dispostas a pagar, é fácil resolver isso: crie seus próprios artworks. Você pode usar técnicas simples, como stencil. Hoje as tendências são letterings – eu gosto muito de usar letras japonesas ou poemas enquadrados.

letra japonesa

Bia Gonzalez: carioca, arquiteta, apaixonada por internet e blogueira do Decorafino

 

*IMAGENS RETIRADAS DO GOOGLE IMAGENS, A IMAGEM É SUA? NOS CONTE E COLOCAMOS O CRÉDITO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *